sábado, 31 de janeiro de 2015

O corredor caminha para implantar o Novo Parque da Barragem

Leonardo Amaral Castro (foto) é secretário municipal adjunto de planejamento urbano da Prefeitura de Belo Horizonte, já morou no entorno e frequentou o Parque da Barragem e tem uma marca que poucos caminhantes ostentam: ele tem cerca de 2.300 quilômetros corridos e registrados na pista da orla do lago.

Explico: Leonardo tem um aplicativo em seu celular que registra todas as suas corridas e nos meses e meses que correu na pista da Barragem, cada metro foi registrado com o rigor determinado por Steve Jobs para seus Iphones.

E é exatamente este agente público que o prefeito Marcio Lacerda incumbiu de fazer com que o projeto do Novo Parque da Barragem Santa Lúcia não fique apenas no papel, apenas nos sonhos de um grupo de caminhantes reunidos em torno da Associação de Amigos do Parque.

Nesta sexta-feira, o secretário Leonardo Amaral explicou que vai elaborar o programa de esclarecimento público, o detalhamento do projeto do arquiteto Gustavo Penna, e o estudo de possibilidades legais para implantação de um “boulevard” na avenida Artur Bernardes.


O Poder Público já está estudando também a possibilidade de se promover o Parque Conectado, conforme proposta da Associação de Amigos. O Novo Parque será construído ainda na administração de Marcio Lacerda.

A reunião desta sexta-feira, dia 30, teve as seguintes presenças: secretário Leonardo Amaral Castro; presidente da Associação de Amigos do Parque, Eustáquio Augusto dos Santos, e diretores Raquel Mattos, Filipe Thales dos Santos, Weliton Militão, David Corrêa, Roberval Nunes Brandão, Ivan Kallas, Gabriel Coutinho e diretores da secretaria Gisela Lobato e Ricardo Cordeiro.

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

"Cabeça", exposição de Milton Machado, chega a BH

Milton Machado (foto Maycon Lima)
Após grande sucesso no Rio de Janeiro, a exposição “Cabeça”, de Milton Machado, chega a Belo Horizonte a partir do dia 4 de fevereiro. 

Elogiada pela crítica – considerada uma das dez melhores exposições de 2014 pelo jornal O Globo -, a mostra faz uma retrospectiva pelos 45 anos de carreira do multiartista. 

Até o dia 30 de março, belo-horizontinos e turistas poderão conhecer mais de 100 trabalhos inéditos na cidade. 

A exposição estará em cartaz no 3º andar e no pátio central do Centro Cultural Banco do Brasil, que integra o Circuito Cultural Praça da Liberdade, e tem acesso gratuito.

Milton Machado é arquiteto por formação, especializado em planejamento urbano, e será convidado a conhecer o projeto do Novo Parque da Barragem Santa Lúcia, uma audaciosa concepção do arquiteto Gustavo Penna, que pretende transformar a área do Santa Lúcia em novo cartão postal de Belo Horizonte.

Obras de Milton Machado expostas no Rio (foto Milton Montenegro)

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

As amigas querem sombra e água fresca

Geralda Morais e Glaucia Carleial
A pintora Glaucia Carleial mora no São Bento e frequenta o Parque da Barragem desde sempre, especialmente os aparelhos na Academia a Céu Aberto na Praça República do Líbano.

Glaucia e sua amiga Geralda Morais, funcionária do Tribunal de Justiça de MG, têm aproveitado as áreas sombreadas que finalmente agora se conseguem com o crescimento das árvores, uma poda constante e capina do mato ao redor.

Num momento de crise hídrica, já com racionamento de água e pesadas multas para os que gastarem em excesso, os passeios pela orla do lago têm sido muito procurados, especialmente pelo apelo estético e contemplativo que a água do parque oferece.

O lago é abastecido pelas nascentes do Parque das Nascentes da Barragem Santa Lúcia, localizadas na rua LaPlace, em frente ao Instituto da Criança, e estão canalizadas em tubos de pvc em 1710 metros de extensão.

Os biguás retornaram ao lago do Parque pelas águas e peixes

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Minardi, pernas nas pistas, Cruzeiro nas veias e mais títulos a conquistar


Alexandre Minardi (foto) é diretor técnico de Atletismo do Cruzeiro e já perdeu as contas do número de medalhas, troféus e títulos que já conquistou nestes 33 anos que serve ao esporte, especialmente ao Cruzeiro.

Ele é aquele torcedor de hino, “a imagem do Cruzeiro resplandece”, não perde um jogo de futebol, anda uniformizado, sempre se apresenta neste seu jeitão italiano de falar com as mãos e estar sempre agitado.

Alexandre, casado com a Nininha Minardi, mora na Vila Paris e sempre leva seus atletas para treinar na pista da orla do lago do Parque da Barragem. Que anda meio estragada para este tipo de treinamento, mas que, brevemente, receberá novo recapeamento. Promessa do prefeito Marcio Lacerda.


Frank Caldeira é um deles, João da Bota é outro, que, aliás, tirou o segundo lugar na 33ª Volta do Cristo em Poços de Caldas, quando o Cruzeiro, mais uma vez, conquistou um troféu por equipe.

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Cristine é especial. Ensina arte para especiais


Cristine Monte (foto) é fisioterapeuta, mas agora, especialmente artista, uma professora que tem se dedicado a dar aulas para pessoas com necessidades especiais, aulas de cerâmica, pinturas em telas e tecidos.

Ela mora no Luxemburgo e se mantém em forma em caminhadas pela orla do parque e malhação na Academia a Céu Aberto na praça República do Líbano.

Mas Cristine é também uma atriz, gosta das artes cênicas, que ensina para seus alunos em animados workshops e palestras com dinâmicas de grupo.

Atenta às questões do Parque da Barragem ela se propõe, por exemplo, com seu pessoal, a recuperar os mosaicos de ladrilhos dos bancos do parque, atualmente já no cimento puro e com poucas peças que ameaçam cortar as pessoas que as utilizam para sentar.


Os interessados em participar das aulas de Cristine Monte podem ligar para 9614 4753.


segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

As mães de Berlim se encontram em BH

Murilo Castro, Jonas, Mariana Polke de Castro e Boris Boekhoff

Mariana Polke de Castro é mineira de Belo Horizonte, mora em Berlim, na Alemanha, há quase 8 anos e está se especializando em teoria das mídias, ela que se formou em Comunicação.

Mariana e Boris Boekhoff, um jovem urbanista alemão, que já fala português fluentemente, passam férias em BH. O casal está mostrando o Parque da Barragem Santa Lúcia ao filho Jonas, um berlinense simpático, de quatro meses.

E como não poderia deixar de ser, há sempre um vovô coruja por perto, o marchand e galerista Murilo Castro, do Instituto Inimá de Paula, que se mudou recentemente para o bairro do São Bento e não perde oportunidade de sadias caminhadas pela pista da orla.

Mariana faz parte, em Berlim, de uma fanpage no Facebook de mães brasileiras que moram na Alemanha e trocam experiências. Pois ela conheceu pela internet outra mineira, a cantora lírica Isabela Santos, que ela não conhece pessoalmente, mas que também mora em Berlim, está em BH, os pais moram na Vila Paris, também frequenta o Parque, e tem uma filha de cinco meses, Rita.


Isabela e Mariana ainda não se encontraram pessoalmente, mas o BLOG faz a apresentação, com a foto abaixo, de Isabela Santos e Rita, filha e neta deste editor Eustáquio Augusto dos Santos.

A cantora lírica mineira que mora em Berlim, Isabela Santos e a filha Rita

domingo, 25 de janeiro de 2015

Saiba como será o Novo Parque da Barragem Santa Lúcia


Leia o texto abaixo para conhecer o que a Associação dos Amigos do Parque da Barragem Santa Lúcia pretende com o Novo Parque da Barragem Santa Lúcia.


Novo Parque da Barragem Santa Lúcia


Caminhos de convivência e cidadania


O Novo Parque da Barragem Santa Lúcia será um inédito e belíssimo espaço de convivência na Zona Sul de Belo Horizonte, um novo cartão postal para a melhor Capital do Brasil.

O projeto em elaboração pelo renomado arquiteto Gustavo Penna vai incorporar duas áreas adjacentes ao parque, a Praça República do Líbano e o Parque Jusante da Barragem Santa Lúcia, e transformar a área de 100 mil metros quadrados num espaço de lazer, prática de exercícios, jogos, praças de alimentação e até futebol de várzea com possibilidades de transmissão por rádios e televisões. 


O Novo Parque vai promover a integração nos esportes e lazer entre os frequentadores moradores dos bairros circunvizinhos e dos residentes no Aglomerado Santa Lúcia.
Vai beneficiar e atender às expectativas e solicitações dos moradores do Aglomerado Santa Lúcia, através de sua Associação Desportiva, que terão reformados os campos de futebol com a construção de arquibancadas, vestiários, cabines para rádios e televisões, salões de convivência, comércio e atividades recreativas, sociais e culturais.

Esta obra aproveita o importante momento no qual a Prefeitura de Belo Horizonte inicia de fato a urbanização do Aglomerado Santa Lúcia, com o término da construção dos conjuntos habitacionais do Vila Viva e sua ocupação pelas famílias desapropriadas em função do alargamento da Rua Principal. No Aglomerado serão criados dois novos parques, do Bicão, um para preservação de nascentes e outro para esportes radicais.

O Caminhante, a cidade caminha junta


O Novo Parque terá um “Monumento à Vida”, um Caminhante, no centro do lago do Parque da Barragem, novos caminhos para os praticantes de caminhadas, mais árvores, mais sombra, novos quiosques, espaços de convivência e contemplação, ciclovias, áreas especiais para frequentadores com cães, equipamentos de ginástica e locais específicos para famílias e suas crianças.


A Barragem Santa Lúcia existe para fazer a contenção das águas das nascentes no bairro São Bento, hoje preservadas no Parque das Nascentes da Barragem Santa Lúcia, e canalizadas até o lago do parque. A água limpa das nascentes será também utilizada para inúmeras fontes e bebedouros distribuídos ao longo dos caminhos de convivência.


O projeto fará uma integração harmônica com o quartel do 22º Batalhão da Polícia Militar, se possível interferindo na área militar de forma a melhorar a convivência e segurança entre policiais e frequentadores.


Os Amigos do Parque, uma proposta de respeito


A proposta para a construção deste novo Parque da Barragem Santa Lúcia (nome oficial Parque Jornalista Eduardo Couri) partiu de um grupo de frequentadores, caminhantes na pista da orla do lago.


O grupo constituiu a Associação de Amigos, Frequentadores e Usuários do Parque da Barragem Santa Lúcia, convidou o arquiteto Gustavo Penna para elaborar o projeto e conseguiu o apoio das associações de moradores dos 8 bairros circunvizinhos ao parque: Santa Lúcia, São Bento, Vila Paris, Luxemburgo, Coração de Jesus, Cidade Jardim, Santo Antônio e Aglomerado Santa Lúcia.


Tem o apoio do Blog Parque da Barragem, poderoso instrumento de comunicação entre os frequentadores, criado e editado pelo jornalista Eustáquio Augusto dos Santos em setembro de 2013, com postagens diárias, e responsável por campanhas de melhorias na área do Parque, inclusive segurança dos frequentadores. Eustáquio Augusto dos Santos é também o presidente da Associação de Amigos do Parque.


O Prefeito Marcio Lacerda conhece o projeto e o apoia


Este Novo Parque da Barragem, que recebe uma média de cinco mil caminhantes por semana, vai atender a uma população estimada de 60 mil pessoas moradores dos oito bairros de sua influência.


O Parque Conectado, uma nova Parceria


O Novo Parque da Barragem Santa Lúcia será um Parque Conectado.


A Associação de Amigos pretende convidar operadora de telefonia a entrar no projeto para implantação de uma poderosa rede wifi, cabos de fibra ótica, novas plataformas e aplicativos que beneficiem a região.


Os postos de saúde poderão atender melhor, com sistema de comunicação mais eficiente. As escolas estaduais, municipais e particulares serão beneficiadas, a mobilidade urbana será melhorada de forma a que os veículos possam fluir sem congestionamentos, com ônibus em horários certos e carros percorrendo ondas verdes de trânsito no principal eixo viário da região, a avenida Prudente de Morais. A polícia poderá agir com mais eficiência.


Será inovador na medida que consiga ser o Parque Conectado, indutor e irradiador de ações do bem, de forma a promover a interação de pessoas de forma física, em seus espaços, e virtual, por suas antenas de propagação de sinais de internet.


O Novo Parque da Barragem Santa Lúcia vai promover a qualidade de vida na cidade grande, fazer com que as pessoas se encontrem mais em ambiente saudável, alegre, de dia ou de noite.


Com promoções, boa comunicação e gestão eficiente o Novo Parque vai promover os caminhos da cidadania, da convivência, dos encontros pela vida.

Carnaval, pressão e caminhadas, é o Parque nos seus melhores dias


Os finais de semana têm ficado mais animados no Parque da Barragem Santa Lúcia, com carnaval de mães, caminhadas da Rede Globo e muita música, crianças e água de coco.

Este verão no parque parece até amenizado pela brisa constante e um lago completamente cheio de água limpa de mina que brota dos contrafortes da rua Laplace, no bairro São Bento.

No Projeto Caminhar, do Sesi, Unimed e Araújo, 836 pessoas ouviram palestras sobre os benefícios das caminhadas, verificaram a pressão arterial, exercitaram-se com educadores físicos, com música e animação, e ainda caíram no carnaval do Bloco Padecendo no Paraíso, das mães dos bairros vizinhos.
O Bloco Padecendo no Paraíso tem ensaiado o carnaval todos os sábados no Parque da Barragem

Luciana Malab é do Projeto Caminhar e atuou medindo pressão dos frequentadores do Parque