sábado, 15 de março de 2014

Militão, o juíz federal caminha no parque


Weliton Militão (foto) mora em frente ao parque da barragem e tem aproveitado uma disponibilidade no trabalho para se dedicar aos amigos em longas caminhadas nas manhãs de sol.

Militão é juiz federal, esteve na vara agrária até recentemente e contesta a decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal em não aceitar a criação do Tribunal Federal da 7ª Região, que poderia, sim, desafogar em muito a Justiça Federal em Minas.

De 1987 até o ano de 2010 a Justiça Federal desapropriou 700 mil hectares de terras somente em Minas Gerais, boa parte na base de acordo entre as partes.

Segundo o juiz Militão, quando não há acordo uma desapropriação pode demorar até 10 anos  para se resolver, tal o número de prazos e recursos.


Weliton Militão é casado com Lúcia Marina e tem três filhos, Priscila Marina, Wellington Jr e Washington Militão.

Um comentário:

  1. somente esqueceu-se de mencionar que ele foi aposentando compulsoriamente pelo STJ por envolvimento em venda de sentenças.
    Supostamente cometeu crimes. A punição? Ser aposentado recebendo os vencimentos integrais...

    ResponderExcluir